Meu episódio predileto / 6a. temporada - epis. 7




E aquele que o George pensa que comprou o carro do Jon Voight?



Elaine: I've never even seen him in a car. I mean, look at his movies. No cars. Deliverance - canoe. Midnight Cowboy - boots. Runaway Train...runaway train!



Dificílimo escolher um predileto, mas fico com The mom and pop store, que só tem esse nome porque eles não sabiam que o Jon Voight iria aceitar participar. Acho que é o episódio com o maior número de histórias paralelas: Kramer quer evitar que a loja de um casal de velhinhos vá à falência (daí o título). George pensa que comprou o carro de Jon Voight. Elaine trabalha para o sr. Pitt, que pede pra que ela ganhe o concurso de músicas de bandas de jazz. Ela fica surda porque na festa dos vencedores senta ao lado da banda. Jerry escorrega por causa das botas e machuca o dente, por isso precisa ir à festa dos dentistas, a qual não foi convidado. Jon Voigth morde o braço do Kramer. Enfim, são várias (mais do que citei) histórias que se unem no final, um dos que mais gosto - a referência ao filme Midnight cowboy. E o George assobiando Everybody's Talking, enquanto balança a chave, hahaha.


Monix Nossa, esse está longe de ser o meu favorito. É claro que eu gosto, me divirto, e acho engraçado, porque é difícil (pra não dizer impossível) não gostar de um episódio de Seinfeld - mas com certeza não está no topo da minha lista. Os chefes da Elaine mereciam um post à parte. Mr. Pitt é Maravilhoso, mas o que é J. Peterman, minha gente? Que figura! Bjs.

marina w.: Também adoro o sr. Peterman. E aquele episódio da "Susie", que no final "morre" e depois ele diz que os dois viveram um tórrido romance ahaha. Adoro.

enxaqueca Nossa! Amei achar o blog!!! Amo Seinfeld - é a única série que vejo episódios repetidos sem nenhum tipo de problema! =) Mas sabe que até hoje não consegui escolher um como preferido? ...

Tina Lopes Esse é um daqueles que eu confundo toda a trama, e quando assisto de novo me divirto como se não tivesse visto. Só lembro mesmo da coisa toda com o carro do Jon Voight. E falando em chefes, como é mesmo o nome daquele ex-chefe dela que investe na idéia de vender só o topo dos muffins?

marina w. Ah, é maravilhoso aquilo, a negona representante dos sem-teto chama Rebecca de Mornay rsrs Não é o sr. Lippman? Esse episódio é ótimo, mas acho que roubar a idéia da Elaine e abrir loja de muffins (com Newman fazendo o trabalho sujo rsrsrs) não combina com a personalidade dele.

Mariano A cara do Kramer respondendo ao Joe davolla - vesyido de "Il Pagliacci" - quando este pergunta se ele tem medo de palhaços..."ye".... bom demais...

Extras O co-autor do roteiro, Tom Gammil, realmente comprou um LeBaron só porque pertenceu ao ator. Inclusive o carro que aparece no filme é o dele. O outro autor, Max Pross vivia debochando. Tom pensava "Talvez eu conheça o Jon Voight porque comprei o carro dele". Quando o conheceu, Voight disse: "Nunca vi esse carro na vida". Acho que esse é o grande lance da série: a maior parte das histórias é real. O Volvo que George ia comprar pertencia a Max, e o LeBaron, naturalmente, a Tom. O diálogo entre Jerry e George foi o mesmo que rolou na vida real:

Max: "Foi uma opção esquisita".
Tom: "Pode ser. Mas foi boa o bastante para Jon Voight."
(Ahahaha)

Max comentou o fato com Jerry que pediu para que eles escrevessem sobre isso. Para ele e Larry David o importante eram os detalhes, como quando os roteiristas comentaram que um amigo comia barra de cereal com garfo e faca (rsrsrs). Jerry odiou ter que usar aquelas botas, se sentia ridículo. A música que faz Elaine ganhar o prêmio não existe. Contador de entradas do Kramer: 207.

O script.


.

8 comentários:

Enxaqueca disse...

Nossa! Amei achar o blog!!! Amo Seinfeld - é a única série que vejo episódios repetidos sem nenhum tipo de problema!

=)

Mas sabe que até hoje não consegui escolher um como preferido? ...

Monix disse...

Nossa, esse está longe de ser o meu favorito. É claro que eu gosto, me divirto, e acho engraçado, porque é difícil (pra não dizer impossível) não gostar de um episódio de Seinfeld - mas com certeza não está no topo da minha lista.
Os chefes da Elaine mereciam um post à parte. Mr. Pitt é Maravilhoso, mas o que é J. Peterman, minha gente? Que figura!
Bjs,

Feltro em casa disse...

Eu adorei este episódio, mas também não é o meu favorito... Aliás sobre carros em Seinfeld... o melhor é quando o do carro do Jerry fica com um cheiro impregnado do "budum de asa" do manobrista do restaurante, daí o carro fica "amaldiçoado", ninguém compra e ninguém consegue ficar dentro dele, nem com uma super lavagem que ele manda fazer!!!!...é hilário, eu tô escrevendo isso e rindo muito só de me lembrar!!!!!É demais!!!Bj. Malú

Tina Lopes disse...

Esse é um daqueles que eu confundo toda a trama, e quando assisto de novo me divirto como se não tivesse visto. Só lembro mesmo da coisa toda com o carro do Jon Voight. E falando em chefes, como é mesmo o nome daquele ex-chefe dela que investe na idéia de vender só o topo dos muffins?

Camila disse...

Minha parte preferida deste episódio é quando Kramer descobre que mom & pop não são actually mom & pop, pois nem filhos têm! e Elaine mata a pau: então quer dizer que o plano dos velhinhos foi trabalhar na lojinha a vida inteira com o único objetivo de, 50 anos depois, roubar os tênis do Jerry? No que Kramer oferece a resposta mais brilhante possível: "apparently".

anna v. disse...

Estou com a Monix: gosto deste, mas está longe de ser meu favorito. A história do Jon Voight é muito boa, mas as outras tramas paralelas, para mim, são menores. E eu nunca gostei muito do Mr Pitt, que me parece caricato demais, e muito inverossímil aquele emprego da Elaine. Já o Peterman é outra história, muito bom!
O que eu mais gosto desse episódio é quando eles, na festa dos dentistas, perguntam se é possível comprovar que os dentes que morderam o lápis achado no carro são os mesmos que morderam o braço do Kramer. E, gente: o que é o Jon Voight mordendo o Kramer??!!

MARIANO disse...

OLÁ. A CARA DO KRAMER RESPONDENDO AO JOE DAVOLLA - VESTIDO DE '"IL PAGLIACCI" - quando este pergunta se ele tem medo de palhaços..."ye".... bom demais...

K disse...

Parece que o episodio que se passa , todo ele, num estacionamento de shopping , onde Kramer não se lembra onde estacionou o carro , é considerado o melhor de todos.é realmente uma série sobre o nada .
Adoro, amo de paixão!
Acho incrivel a Fal não gostar .